Atlético Mineiro x Avaí

noticias de Atlético Mineiro x Avaí

Atlético Mineiro x Avaí - Campeonato Brasileiro - 29/05/2022

Atlético-MG e Avaí se enfrentam neste domingo pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. A bola rola às 19h (de Brasília), no Mineirão. O Atlético pretende se manter entre os primeiros colocados. O Avaí precisa vencer para se aproximar dos primeiros e manter distância da parte inferior da tabela.
O Galo vem de derrota pela Libertadores, em casa, contra o Tolima, mas avançou às oitavas como líder do grupo. Agora muda a chave para o Campeonato Brasileiro, onde vem de triunfo contra o Atlético-GO, encerrando série de resultados ruins. O atual campeão busca a segunda vitória consecutiva para se aproximar da ponta da tabela.
Sem vencer fora de casa desde novembro do ano passado, o Avaí quer voltar a triunfar como visitante depois de seis meses, além de conquistar pontos após duas derrotas seguidas na Série A, para Juventude e Athletico. Contra o Galo, o técnico Eduardo Barroca vai mexer no time titular. Bruno Silva está suspenso, mas o Leão contará com a volta de Bressan e Bissoli.

Atlético-MG
O Galo não terá o lateral Guilherme Arana, que está com a seleção brasileira. Ainda tem os desfalques do DM: Eduardo Vargas, Keno e Zaracho. Dodô deve voltar aos jogos, após cirurgia no joelho, mas Rubens é o mais cotado na lateral esquerda. O ataque deve ser formado por Sasha, Ademir e Hulk. Fica a dúvida se Mohamed irá poupar alguma peça, e possivelmente Mariano retorna à titularidade.
Provável escalação: Everson; Mariano, Nathan Silva, Junior Alonso e Rubens; Allan, Jair e Nacho; Eduardo Sasha, Ademir e Hulk.
Técnico: Antônio Mohamed

Avaí
Sem Bruno Silva, suspenso pelo terceiro amarelo, Jean Cléber deve ganhar a vaga como terceiro homem no meio de campo. Na zaga, Bressan, recuperado de lesão, deve aparecer novamente ao lado de Arthur Chaves. No ataque, Bissoli volta após não enfrentar o Athletico por questões contratuais.
Provável escalação: Douglas; Kevin, Bressan, Arthur Chaves e Cortez; Raniele, Eduardo e Jean Cléber; Pottker, Morato e Bissoli.
Técnico: Eduardo Barroca